Projeto de inovação: O que é, diferença do projeto tradicional e como montar

imagem de uma pessoa segurando uma lâmpada acesa em cima de blocos de madeira em uma mesa

Inovação é a palavra-chave do futuro e que rege o século XXI. Dizem os especialistas que inovar é uma forma de aplicar ideias novas e estar em evidência no mercado. Até por isso que um projeto de inovação é visto como solução para o sucesso das empresas.

De acordo com o anuário Valor Inovação Brasil 2021, 50% das empresas no país apontam a inovação como peça essencial nas suas estratégias diárias. 21% delas colocam os projetos de inovação respondendo por mais de 30% de suas receitas.  

Esses dados apontam para a importância que um projeto de inovação tem na rotina das empresas. Colocando a inovação como um ponto central do seu dia a dia, as companhias ficam mais propensas a investir em novas ideias, soluções e propostas. 

Mas, de que forma aplicar o conceito de inovação no dia a dia da empresa? Neste artigo você saberá:  

Quer ter uma empresa inovadora no mercado? Saiba como a seguir. 

Boa leitura! 

banner como funciona o software de ponto mais completo

O que é um projeto de inovação?

imagem de três pessoas em pé ao redor de uma mesa segurando folhas espalhadas

Um projeto de inovação é aquele que se utiliza de estratégias criativas e transformadoras para solucionar problemas e desenvolver novos produtos, ferramentas e serviços. No projeto de inovação os processos fogem do modelo tradicional. 

A proposta de um projeto de inovação vai além do que costuma ser padrão na empresa, com uma proposta disruptiva, que rompe com os caminhos habituais da companhia e do mercado. 

Esse tipo de ação, baseado em projeto de inovação, pode contribuir para que a organização aprimore processos e esteja à frente da concorrência nas suas tomadas de decisão. 

Uma pesquisa de 2020, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revelou que 33% das empresas no país são inovadoras. 

Para o IBGE inovar significa apresentar novos produtos e serviços ao mercado, aprimorando o que já existe ou implementando processos criativos.   

Conceito de inovação

No mercado, um dos grandes destaques do conceito de inovação é o cientista político e também economista Joseph Schumpeter. Segundo Schumpeter, a inovação é um fator decisivo do mercado econômico.

Foi ele quem criou o conceito chamado de “destruição criativa”. A ideia principal é que no capitalismo existe a necessidade de destruir ideias velhas para criar coisas novas e inovadoras. 

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) descreve a inovação como: 

“…um produto ou processo novo ou aprimorado (ou uma combinação dos dois) que difere significativamente dos produtos ou processos anteriores da empresa e que tenha sido introduzido no mercado ou colocado em uso pela empresa”.

No dicionário a palavra inovação é descrita como: 

Novidade; aquilo que é novo; o que apareceu recentemente. 

Projeto de inovação x projeto tradicional: Principais diferenças

Os projetos simples e inovadores possuem diferenças em sua essência. Uma vez que, um trabalha com processos mais disruptivos e outro preza principalmente pelo tradicionalismo. Confira abaixo as principais diferenças entre os dois modelos. 

  • Projeto de inovação: disruptivo | Projeto tradicional: padrão; 
  • Projeto de inovação: aceita correr riscos | Projeto tradicional: prefere menos riscos;
  • Projeto de inovação: utiliza ferramentas inovadoras | Projeto tradicional: utiliza plataformas habituais; 
  • Projeto de inovação: gestão multidisciplinar | Projeto tradicional: gestão centralizada, com uma figura central; 
  • Projeto de inovação: utiliza ferramentas inovadoras | Projeto tradicional: utiliza plataformas habituais. 

Quais são as características de um projeto de inovação?

Um projeto de inovação precisa principalmente ser flexível em todas as etapas dos processos. Afinal, é importante que todos os envolvidos nesse tipo de modelo aceitem caminhar por uma rotina em que a criatividade seja parte central das estratégias. 

As principais características a se destacar na gestão dos projetos de inovação são: 

  • Gestão descentralizada; 
  • Processos disruptivos; 
  • Alto repertório de ideias criativas;  
  • Serviços ou produtos inovadores no mercado;  

O que ele deve conter?

Para desenvolver um projeto de inovação a empresa deve levar em conta uma série de fatores que podem impactar no resultado final. Mas o que deve ter um projeto de inovação? 

Alguns elementos não podem ficar de fora e devem estar presentes nesse processo, são eles: 

  • Ideias criativas: a criatividade é a essência dos projetos de inovação, portanto, as ideias criativas e que fogem do padrão precisam ser parte integrante desses tipos de projeto. 
  • Controle disruptivo: o projeto de inovação deve ser baseado em ideias disruptivas, ou seja, que fogem do caminho padrão de execução dos processos. 
  • Flexibilidade nas tomadas de decisão: devido ao seu caráter disruptivo, um projeto de inovação é mais maleável no momento de definir um caminho a seguir, sem que regras pré-estabelecidas sejam um empecilho para mudar o rumo do projeto. 
  • Maior participação dos colaboradores: todos os envolvidos no processo, na aplicação de um projeto de inovação, têm mais voz e participam ativamente das tomadas de decisão, já que todas as opiniões são levadas em conta em cada etapa da execução. 
  • Competitividade e visão de mercado: um dos principais objetivos de um projeto de inovação é oferecer à empresa maior competitividade no mercado. Assim, o que deve ter em um projeto de inovação é uma visão ampla do mercado externo e um conhecimento extremo das necessidades do cliente para a criação de serviços e produtos inovadores. 

Como criar um projeto de inovação?

imagem de duas mulheres e um homem sentados em uma mesa conversando

Seguindo por uma linha em que se quebram padrões, um projeto de inovação deve por essência ter alguns itens que farão a diferença para que de fato ele seja efetivo. A seguir você confere como fazer um projeto de inovação. 

Monte um escopo com informações sobre o projeto

Pelo seu alto risco, um projeto de inovação requer atenção para que todas as informações, sejam elas financeiras ou estruturais, sejam levantadas. Angariar essas questões pode sanar dúvidas, eliminar incertezas e dar maior sustentação para o escopo do projeto

Objetivo do projeto

Dentro desse escopo é necessário definir as metas e objetivos do projeto. Esse é o momento de questionar sobre o que a empresa espera dele e qual resultado ele deve alcançar. O objetivo servirá de base para uma avaliação dos processos ao longo do tempo.  

Justificativa para o projeto

Por que inovar em determinado projeto? Quais justificativas para aprová-lo e colocá-lo em prática? Essas são questões a serem respondidas diante desse levantamento de informações. Assim, você evita gastos desnecessários, financeiros e de mão de obra.

Restrições

Qualquer projeto, seja ele tradicional ou de inovação, requer um entendimento da empresa sobre suas restrições. Sejam restrições financeiras, de mão de obra, técnicas ou até mesmo sobre o reflexo que o projeto terá diante do público-alvo e fornecedores. 

Ferramentas necessárias

É muito importante num projeto inovador que a empresa tenha as ferramentas necessárias para que de fato ele supere o tradicionalismo e quebre paradigmas. Uma vez que, essa estrutura servirá de base para que o projeto saia do papel para algo concreto.  

Faça um planejamento

Tendo uma visibilidade maior das possibilidades, baseado no escopo do projeto de inovação, a empresa precisa planejar a execução do projeto. 

É nesse momento que a empresa vai colocar na ponta do lápis as necessidades práticas, financeiras e técnicas do projeto. 

Crie etapas para execução do projeto

imagem de um homem e duas mulheres olhando para postits grudados em uma parede de vidro

Defina os projetos em etapas, com início, meio e fim. Estipule datas para finalizar cada fase e elenque quanto a sua empresa gastará em cada uma delas e do que precisará na prática, em equipamentos e mão de obra. 

Desenvolvimento

É no desenvolvimento que de fato todos os envolvidos irão colocar a mão na massa, ou seja, é a partir dele que o projeto de inovação sairá do papel. Nesse passo o time precisa ser devidamente orientado e os colaboradores precisam ter seus papéis definidos. 

Isso evita que alguém fique sobrecarregado ou até mesmo não saiba qual sua responsabilidade em cada tarefa. Dentro desse desenvolvimento também é importante que a empresa: 

Execute todas as etapas definidas no planejamento

O desenvolvimento precisa necessariamente ser um reflexo do planejamento. Isso quer dizer que tudo que foi planejado deve ser seguido à risca, para que nenhuma etapa fique para trás e comprometa os objetivos propostos inicialmente. 

Monitore o projeto

Com o projeto de inovação a todo vapor a empresa precisa periodicamente monitorar as ações para prever possíveis problemas e principalmente orientar os envolvidos de maneira assertiva dentro do que eles devem executar. 

Realize ajustes ao longo do desenvolvimento

O monitoramento, aliás, é decisivo para que a empresa identifique os erros e realize ajustes ao longo da execução do projeto de inovação, evitando assim, que o resultado final seja comprometido. Aprimorando processos e propondo ideias inovadoras ao longo do tempo. 

Qual a melhor forma de gerenciar projetos de inovação?

Projetos de inovação, além de disruptivos, requerem do gestor uma liderança descentralizada, uma aceitação por ferramentas inovadoras e um brainstorm ativo com todos os profissionais envolvidos no processo. 

Sendo assim, confira os porquês desses itens serem determinantes para a forma de gerenciar projetos de inovação. 

Gestão disruptiva e descentralizada 

Descentralizar as tomadas de decisão pode ser a melhor forma de gerenciar projetos de inovação. Isso se dá, pois, eliminando um ponto central, um tomador de decisão, a empresa abre espaço para que os colaboradores se engajem mais com o projeto. 

Já que, numa gestão descentralizada todos têm voz para opinar e participar das tomadas de decisão. Permitindo que todos contribuam com seu conhecimento e expertise para que os problemas sejam sanados baseados em um leque de ideias e soluções criativas. 

Feedback ativo 

Os projetos de inovação também exigem do gestor uma premissa de feedbacks e brainstorm que contribuam para que tanto os líderes, como os profissionais envolvidos, tenham conhecimento da sua importância na execução das tarefas.  

Esses feedbacks também ajudam a corrigir problemas e é um estímulo ao engajamento e a uma participação maior dos colaboradores nos processos de decisão da empresa. 

Conhecimento de mercado 

Conhecer os concorrentes, as necessidades do mercado e do cliente é a melhor forma de gerenciar projetos de inovação, fomentando ideias criativas. Uma análise minuciosa desses pontos contribui para que a empresa aprenda com erros alheios e tente fazer diferente. 

Tecnologia na prática

A aceitação da tecnologia e de práticas inovadoras, que fogem do tradicional, também é um dos itens que apontam para um melhor gerenciamento dos projetos de inovação. Isso quer dizer aceitar ser parte integrante de uma série de automatizações na empresa. 

Esse tipo de decisão permite que os projetos de inovação se tornem mais rápidos, efetivos e que a execução das tarefas sejam mais assertivas. 

Conclusão

Diante de um mercado que se mostra cada vez mais competitivo, um projeto de inovação pode ser um diferencial para vencer a concorrência.

Porém, apostar neste tipo de projeto exige da empresa um planejamento prévio e detalhado em todas as suas etapas. Isso porque um projeto de inovação anda por uma linha tênue entre o fracasso e o sucesso.

Isso ocorre, pois, projetos de inovação tendem a ser mais arriscados, já que são disruptivos e não seguem um processo padrão, com regras mais específicas e pré-definidas. 

No caso dos projetos de inovação, como detalhado neste conteúdo, existe uma flexibilidade no processo e as tomadas de decisão caminham com maior liberdade, baseadas em opiniões e ideias diversas e inovadoras. 

Exigindo, então, das empresas um controle ainda maior de todas as etapas do projeto para que a inovação não se perca ao longo do caminho e não tenha o efeito necessário para que a empresa alcance os resultados almejados. 

Gostou deste artigo e entendeu a importância dos projetos de inovação na rotina das empresas e o impacto no seu sucesso? Então, compartilhe esse conteúdo nas suas redes sociais.  

software controle de ponto reduz processos operacionais

Compartilhe em suas redes!
Rolar para cima