Gestão de RH: entenda a importância de uma boa gestão, as principais atribuições e como a tecnologia pode ajudar!

imagem de blocos de madeira empilhados


A competitividade por profissionais de qualidade está cada vez mais acirrada. Por isso, investir no setor de Recursos Humanos (RH) é um dos pontos mais importantes para o desenvolvimento de qualquer empresa. 

Afinal, a gestão de RH é responsável por atividades vitais  na gestão de pessoas, para o cumprimento da lei, entre outras responsabilidades da organização.

Assim, a empresa que investe em uma boa gestão de RH consegue melhorar a relação com seus colaboradores, aumentar a produtividade, alcançar suas metas, entre outras vantagens.

E se o RH contar com a ajuda da tecnologia, aproveitar esses e outros benefícios será muito mais fácil!

Por esse motivo, é importante entender o que é, qual é a importância e como as soluções digitais podem melhorar a gestão de RH e contribuir para a performance da empresa.

Para te explicar tudo isso, neste artigo vamos discutir os seguintes pontos:

Boa leitura!

gestao de jornada e redução de custos

O que é gestão de RH?

Como o próprio nome indica, a gestão de Recursos Humanos (RH) é o setor responsável por diversos processos da empresa, especialmente aqueles relacionados aos colaboradores.  

Basicamente, o objetivo desse setor é ajudar a construir uma boa relação entre os funcionários e o empregador

Por isso, o setor de RH é considerado crucial para criar um ambiente colaborativo, produtivo e em sintonia com os planos e metas da corporação.

Como esse departamento funciona nas empresas?

imagem de duas pessoas sentadas conversando e fazendo chamada de vídeo com outro homem

Na prática, a gestão em RH deve trabalhar para manter a empresa funcionando. Por isso, quem trabalha nesse departamento é responsável por diversas funções. 

Isso inclui desde fazer a gestão de pessoas, o controle de ponto e a folha de pagamento, até criar estratégias para reter talentos, reduzir o absenteísmo, entre outras atividades. 

Em resumo, é possível afirmar que o gestor de RH trabalha para que todas as partes do departamento estejam sincronizadas. 

Como consequência, a organização conseguirá melhorar a relação com os funcionários, aumentar a produtividade e reduzir o turnover.

Gestão de RH na atualidade

Por ser um departamento que cuida de pessoas, o RH precisa acompanhar as mudanças comportamentais e tecnológicas que moldam a sociedade e influenciam na vida dos funcionários. 

Em função disso, atualmente, a gestão de RH é estratégica e humanizada. Na prática, isso significa que o trabalho do setor é baseado nos seguintes pontos:

  • Gestão estratégica: o RH precisa desenvolver um planejamento a longo prazo, ficar atento às mudanças do mercado e formar equipes com diferentes hard e soft skills;
  • Adoção de tecnologias: o RH deve utilizar soluções tecnológicas para modernizar e otimizar diferentes processos, como o controle de ponto e a comunicação com os colaboradores;
  • Redes sociais: além das ferramentas de comunicação tradicional, é importante que o RH adote o uso das redes sociais para simplificar e facilitar a comunicação com os funcionários e desenvolver networking;
  • Redução da burocracia: o setor também precisa utilizar softwares e ferramentas que otimizam a realização de tarefas burocráticas, permitindo que o departamento dedique mais tempo à estratégia.

Quais as principais atribuições da gestão de RH?

A gestão de RH é responsável por todas as atividades relacionadas aos funcionários da empresa. 

Basicamente, o setor cuida dos processos desde a admissão até demissão de cada colaborador. 

Por isso, o gestor de RH pode ser responsável por diversas atribuições. Conheça as principais delas a seguir. 

Recrutamento e seleção

Uma das principais responsabilidades do RH é coordenar o processo de recrutamento e seleção da empresa. 

Para isso, os profissionais que atuam nesse setor precisam utilizar práticas de gestão de pessoas, alinhar a descrição do cargo com as metas e valores da empresa e anunciar a vaga nas plataformas corretas. 

Além disso, eles precisam utilizar estratégias para simplificar esse processo seletivo, reduzir custos e encontrar o profissional com perfil adequado para a função. 

Depois de resolver essa prática burocrática e dos líderes aprovarem um candidato, o RH ainda precisa lidar com a parte de contratação do funcionário. 

Essa etapa inclui desde orientar o novo colaborador sobre as políticas da empresa até exigir a entrega dos documentos admissionais, entre outras tarefas burocráticas.

Políticas internas

O gestor de RH também é responsável pelo desenvolvimento de políticas internas da empresa. 

Essas políticas devem estar alinhadas com os valores e metas da organização para guiar e motivar os colaboradores durante o trabalho. 

Por esse motivo, geralmente as políticas internas abordam questões relacionadas aos seguintes pontos:

  • Regras internas da empresa;
  • Normas de relacionamento entre os funcionários;
  • Funcionamento dos planos de carreira;
  • Informações sobre a concessão de benefícios aos colaboradores.

Pagamentos

A gestão em RH também é responsável por todas as etapas relacionadas à folha de pagamento. 

Esse documento deve conter todas as informações relacionadas ao pagamento dos colaboradores, tais como salário bruto e líquido. 

Além disso, a folha de pagamento também inclui valores relacionados à horas extras, adicionais, FGTS, entre outros benefícios aos quais o profissional celetista tem direito por lei. 

Cabe ao RH fazer o levantamento e o cálculo de todas essas informações, que devem ser repassadas aos funcionários e ao setor financeiro, responsável pelo pagamento.

Treinamento e desenvolvimento

imagem de três pessoas olhando e conversando com uma mulher sentada

O gestor de RH também é responsável por fazer o levantamento e planejar eventos para treinamento e capacitação dos colaboradores.

Afinal, os treinamentos são fundamentais para manter os funcionários atualizados em relação às mudanças e tendências do mercado. 

Assim, eles conseguem se preparar melhor para os desafios e ajudar a empresa a atingir seus objetivos. Para isso, a gestão de RH pode fazer um levantamento das necessidades de treinamento. 

Com o auxílio desse levantamento, é possível identificar as competências, habilidades e conhecimentos de cada funcionário de acordo com sua área de atuação. 

Dessa forma, fica mais fácil identificar os gargalos e implementar planos de treinamento que sejam eficientes para preencher as lacunas da organização.

Gestão do clima organizacional

A expressão clima organizacional  se refere à relação entre os sentimentos e opiniões dos colaboradores e o local de trabalho. 

Por isso, esse clima influencia nos relacionamentos, na produtividade, no engajamento, na retenção de talentos, no turnover e até na felicidade dos funcionários da empresa, entre outros fatores.

Portanto, o clima organizacional é determinante do desempenho da corporação, já que pode impactar de forma positiva ou negativa no trabalho das equipes. 

Diante de sua importância, o RH também é responsável por monitorar esse parâmetro dentro da empresa e elaborar estratégias para melhorar esse clima. 

Para isso, o setor pode aplicar pesquisas de satisfação, questionários, elaborar planilhas de acompanhamento, entre outras ferramentas para entender a relação entre os colaboradores e a empresa.

Gestão da força de trabalho

A gestão da força de trabalho está relacionada aos processos que ajudam a alinhar os colaboradores com os objetivos da empresa. 

Para isso, o RH utiliza estratégias de planejamento, análise SWOT, entre outras ferramentas que facilitem a gestão das habilidades e produtividade dos colaboradores e das equipes. 

Dessa forma, fica mais fácil distribuir as atividades, organizar o fluxo de trabalho, identificar talentos, entre outros benefícios que ajudam a melhorar os resultados da organização.

Estruturação de processos burocráticos

Outra importante função da gestão de RH é estruturar os processos burocráticos da empresa. Isso significa que o setor precisa organizar o grande volume de documentos que as corporações precisam lidar. 

Para organizar tantas informações, é fundamental definir como e quando fazer isso para facilitar o trabalho do setor. 

Atualmente, muitos gestores utilizam tecnologias, como softwares de gestão de RH, para otimizar esse processo. 

Além disso, várias empresas já adotam um sistema de gestão descentralizada, que aumenta a autonomia de cada funcionário e reduz a burocracia. 

Plano de carreira

A principal função do plano de carreira é mostrar aos colaboradores quais etapas são necessárias para que ele cresça dentro da empresa. 

Essa perspectiva de crescimento funciona como um combustível, que aumenta a motivação e aumenta a produtividade

Afinal, geralmente as pessoas desejam ascender de cargo e ter acesso a uma remuneração melhor. 

Como a gestão de RH faz o gerenciamento de pessoas da empresa, ela também é responsável por construir o plano de carreira dos funcionários e orientá-los para que eles consigam alcançar o resultado esperado.  

Lembrando que o plano de carreira é um documento elaborado considerando benefícios tanto para a empresa, quanto para os funcionários. 

Por isso, esse documento precisa descrever o passo a passo que o colaborador deve fazer para mudar seu nível de carreira. 

Além disso, o plano também deve deixar claro quais são as responsabilidades de cada parte para que isso aconteça.

Cumprimento da legislação trabalhista

Conhecer a legislação trabalhista é fundamental para que a empresa cumpra suas obrigações legais com o colaborador e o governo. 

Por isso, ela deve ficar atenta à legislação e às mudanças relacionadas à jornada de trabalho, benefícios, controle de ponto, contratação, desligamento, entre outras determinações exigidas por lei. 

Como essas determinações influenciam no cálculo da folha de pagamento, na gestão de pessoas e em processos burocráticos da empresa, é essencial que o RH esteja ciente dessas informações. 

Assim, o setor pode se planejar e atuar para o cumprimento da legislação. Caso contrário, a empresa pode sofrer com vários passivos trabalhistas, multas, entre outros problemas.

Criação de programas de incentivo

A gestão de RH também precisa planejar ações e estratégias para motivar e incentivar os funcionários da empresa. 

Dessa forma, é possível impedir que os colaboradores se sintam desvalorizados e acabem se demitindo. 

Por isso, o RH precisa criar os chamados programas de incentivos, que podem ser baseados na motivação individual, gamificação, reconhecimento corporativo e até na entrega de recompensas. 

Gestão e controle de ponto

imagem de uma pessoa segurando um tablet

Por fim, uma das atribuições mais importantes da gestão de RH é fazer a marcação e controle de ponto de cada colaborador. 

Além disso, o setor é responsável por monitorar essa marcação e adotar ações caso seja identificado algum problema, como atrasos e faltas não justificadas.

Com base nessa gestão de ponto, o RH realiza o cálculo da folha de pagamento, garante o cumprimento das leis trabalhistas e acompanha a jornada de trabalho dos colaboradores. 

Para isso, o setor pode adotar diferentes métodos de controle de ponto

O importante é que ele atenda suas expectativas e ajude o departamento a realizar seu trabalho de forma prática, ágil e eficiente.

Qual a importância de uma boa gestão de RH dentro das empresas?

Com base nas atribuições explicadas anteriormente, é possível afirmar que uma gestão de RH é fundamental por beneficiar a empresa das seguintes formas:

  • Garante que empresa e colaboradores alcancem seus objetivos;
  • Permite a contratação mais assertiva de funcionários;
  • Contribui para a adequação da empresa às leis trabalhistas;
  • Reduz o turnover e o absenteísmo;
  • Aumenta a retenção de talentos;
  • Ajuda a criar um ambiente de trabalho mais agradável para todos;
  • Diminui custos e otimiza processos;
  • Melhora os resultados e o desempenho da empresa.

Como tornar a gestão em RH menos burocrática?

A principal forma de reduzir a burocracia do RH é a adoção de soluções tecnológicas, especialmente de softwares de gestão. Entenda abaixo:

Utilize a tecnologia à favor do seu RH

Como explicamos anteriormente, gestão de RH na atualidade está associada ao uso de soluções tecnológicas. 

Afinal, essas ferramentas ajudam a otimizar e facilitar o trabalho do setor. Nesse contexto, uma das soluções mais importantes são os softwares de gestão de RH.

Esse tipo de programa é capaz de fazer o controle da jornada de trabalho dos funcionários de forma muito mais rápida. 

Muitas de suas funções, como a elaboração das folhas de pagamento, por exemplo, podem ser feitas de forma automática. 

Dessa forma, ao utilizar a tecnologia no RH, o setor consegue realizar suas atividades mais rápido, melhorando sua gestão de tempo e aumentando sua eficiência.

Como o controle de ponto digital auxilia na gestão de RH?

Ainda falando em tecnologia, um sistema de controle de ponto eletrônico pode ser considerado um verdadeiro aliado para o trabalho de gestão de RH. 

Afinal, esse tipo de controle permite o registro de ponto de forma digital e segura, atendendo empresas de diferentes setores e tamanhos e que adotam diferentes formas de trabalho, como o regime híbrido e o home office. 

A depender do sistema adotado, você ainda conta com recursos que também ajudam na gestão dos colaboradores.

É o caso da plataforma de controle de ponto da PontoTel. Com essa ferramenta, sua empresa tem acesso a diferentes formas de registro de ponto. 

Além disso, o sistema completo e robusto da PontoTel também faz o tratamento do ponto e a gestão de frequência dos funcionários. 

Assim, você consegue gerar mais de trinta relatórios e dashboards, fechar as folhas de pagamento de forma otimizada, gerenciar bancos de horas, entre outros recursos. 

E tudo isso em conformidade com as diretrizes de segurança jurídica e da informação. Por isso, com a PontoTel, fazer a gestão de RH é muito mais fácil!

Conclusão

imagem de três pessoas sentadas conversando

Como vimos ao longo do texto, a empresa que investe numa boa gestão de RH é beneficiada com colaboradores mais engajados, produtivos e motivados. 

E essa é só uma das vantagens que ajudam a organização a melhorar seus resultados e alcançar suas metas. 

Vimos também que para uma boa gestão, é essencial sistemas modernos que ajudem na rotina da empresa, como um bom sistema de controle de ponto. 

Com a plataforma da PontoTel, por exemplo, a gestão de RH consegue registrar e tratar o ponto, além de fazer a gestão de frequência e muito mais. Assim, o trabalho do RH será muito mais ágil e eficiente.

Gostou do conteúdo? Confira outros artigos sobre gestão de RH no Blog da PontoTel!

banner conheça o aplicativo pontotel
Compartilhe em suas redes!
Rolar para cima