Entenda o que é o modelo de empresa orgânica e como ele pode funcionar na sua empresa

imagem de quatro mulheres sorrindo em um escritório mexendo em celulares

Toda organização deseja crescer de forma saudável e ter resultados positivos ao longo do tempo. E sem dúvidas, escolher um bom modelo de gestão, que se adeque a sua realidade e às necessidades do negócio, faz toda diferença. Por isso, nesse artigo você entenderá o que significa uma empresa orgânica e quais os benefícios desse modelo para o seu negócio.

Quando se fala em empresa orgânica, logo lembramos de uma organização viva, com funcionários ativos e com liberdade de atuação. Sem dúvidas, esse é um conceito que se associa à colaboradores que se ajudam mutuamente e possuem uma rede de apoio ampla.

Mas, para além disso, uma estrutura orgânica da empresa é aquela que se baseia no desenvolvimento profissional das pessoas. Ou seja, empresas que implementam esse modelo de atuação possuem funcionários mais capacitados, motivados e proativos.

Então, se é isso que você espera da sua equipe, veja a seguir um conteúdo completo com as características de uma empresa orgânica. Aqui você saberá tudo sobre esse assunto e poderá adaptar essa modalidade ao seu negócio. Confira aqui:

Acompanhe!

controle de jornada digital e gestao de pessoas

O que é uma empresa orgânica?

imagem de duas e três homens ao redor de uma mesa olhando para um papel

Uma empresa orgânica é aquela que adota um modelo de gestão com foco no desenvolvimento humano. Sendo assim, esse tipo de gestão é direcionada para empresas que precisam lidar com mudanças constantes no seu segmento ou com alta competitividade.

Ademais, essas instituições precisam ter uma hierarquia flexível e um organograma descentralizado. Ou seja, uma das vantagens desse tipo de gestão é a possibilidade de desenvolver as habilidades dos seus empregados.

Isso possibilita que os colaboradores vivenciem novas experiências, que poderão contribuir de forma positiva e saudável com o seu desenvolvimento profissional. 

Por esse motivo, é muito importante entender o que significa uma gestão orgânica, antes mesmo de buscar o conceito de organização orgânica. Então, sempre que você ouvir falar sobre esse assunto, tenha em mente que essas empresas buscam desenvolver pessoas.

Como funciona uma empresa orgânica?

Uma empresa orgânica funciona de forma flexível, com um organograma orgânico horizontal e decisões descentralizadas. Ou seja, os colaboradores e gestores se encontram no mesmo nível.

Principais características

As principais características de uma empresa orgânica são:

Decisões compartilhadas

Nesse modelo, as decisões são compartilhadas entre todos os funcionários da empresa. Ou seja, não há distinção entre um gestor e um colaborador, desde que esse funcionário venha com a resolução de um problema ou ideal que possa ser benéfica a todos os envolvidos.

Funções mais informais

Na empresa orgânica é possível perceber a predominância de funções menos rígidas e formais. Isso significa que todos podem interagir e se ajudar mutuamente, o que é fundamental para o desenvolvimento da empresa e do profissional.

Hierarquia flexível

A empresa orgânica possui sua gestão marcada pela flexibilidade. Sendo assim, a estrutura é temporária e mais informal, além do que, o profissional possui mais liberdade e as atividades podem não ser especificadas nas descrições das vagas de emprego.

Comunicação em diferentes fluxos

A comunicação é assertiva e chega a todos, sem distinção. No entanto, para tal feito, é necessário que a empresa invista em diferentes fluxos e canais, para que todos os colaboradores sintam-se incluídos.

Sistema de organograma mais horizontal

Não há sistema vertical de decisões internas. Ou seja, as decisões podem ser tomadas não só pelos líderes “oficiais”, mas também por outros funcionários que não estejam em posições de destaque. Dessa maneira, qualquer pessoa pode construir uma figura de autoridade e ser um líder.

Qual benefício de uma empresa com o modelo orgânico?

imagem de um grupo de pessoas estendendo as mãos para cima

Os benefícios de implementar uma o que é uma empresa de estrutura orgânica são muitos. Contudo, o principal deles é a possibilidade de desenvolver habilidades dos colaboradores e permitir que eles vivenciem novas experiências profissionais.

Sendo assim, eles poderão propor novas ideias, participar de reuniões com seus líderes e contribuir de forma positiva para a organização. Aliás, essa é uma ótima chance de descobrir novos talentos dentro da empresa.

Além disso, a comunicação interna passa a ser mais confiável e informal. Ou seja, não há medo de sugerir novas ideias ou falar o que se pensa, o que resulta no aumento da produtividade.

Por fim, haverá uma maior interação entre as pessoas, o que contribui para o crescimento da equipe e para o relacionamento interpessoal

O que é uma empresa mecanicista?

Já uma empresa mecanicista é aquela que precisa lidar com produções intensas e prazos definidores. Geralmente essas organizações atuam com produção em série, a exemplo das indústrias, gráficas e montadoras.
Ademais, o foco da empresa mecanicista está nos resultados, não nas pessoas, diferente do modelo de gestão orgânica. Porém, a grande vantagem está na execução de tarefas de forma ágil e precisa. Ou seja, as atividades são feitas com excelência e com o mínimo de falhas.

Como funciona uma empresa mecanicista?

Nas empresas mecanicistas, é possível encontrar as seguintes características:

  • Hierarquia formal, onde há pouca liberdade e o controle é rígido. Além disso, há cargos específicos e delimitados;
  • Como as relações são hierárquicas, as posições são respeitadas e o poder também é delegado;
  • Existe uma centralização das decisões de cima para baixo e não há participação dos funcionários;
  • A divisão do trabalho é feita com clareza e os papéis são definidos;
  • Não há uma comunicação efetiva entre todo, ou seja, somente os cargos mais altos detém as informações sobre a empresa;
  • Há um controle dos resultados e tudo é documentado;
  • A interação é vertical, bem como a comunicação interna;
  • O poder e a autoridade são alinhados de acordo com as posições internas da organização.

Agora que você já sabe os conceitos de empresa orgânica e mecanicista, conheça as diferenças entre cada um dos modelos. Em seguida, veja qual é o melhor para a sua organização.

Diferença entre empresa orgânica e empresa mecanicista

Sabe-se que o modelo orgânico de gestão e o modelo mecanicista são muito comuns dentro das organizações. Sem dúvidas, as diferenças entre um e outro são enormes, não só em termos de estrutura, como também nas características e orientações. 

Primeiro, a estrutura organizacional da empresa orgânica é plana e possui uma distribuição do poder. Enquanto isso, a empresa mecanicista possui uma estrutura com o formato de uma pirâmide. Ou seja, poder e autoridade estão no topo.

Além disso, a organização mecanicista é burocrática e hierárquica. Já a organização orgânica é mais livre, ou seja, proporciona mais liberdade ao colaborador.

Ademais, na estrutura mecanicista, as regras e regulamentos estão bem estabelecidos e sistematizados. Ou seja, cada pessoa sabe exatamente qual a sua função dentro da empresa.

Na estrutura organizacional orgânica, o ambiente é mais dinâmico e alterações podem ser feitas a qualquer hora. Por exemplo, há uma rede de indivíduos talentosos, que podem atuar em equipe, sem separação de tarefas.

Em relação à comunicação, na estrutura mecanicista o comando ocorre de cima para baixo. Ademais, os gestores não estão preocupados com as sugestões dos colaboradores, muito menos solicitam novas ideias ou iniciativa dos empregados.

Diferente disso, na estrutura da empresa orgânica, os gestores levam em consideração as ideias dos colaboradores. Isso faz com que essas pessoas sintam-se parte da empresa, com o sentimento de pertencimento. Isso ajuda na produtividade, eficiência e cooperação.

Agora que você já sabe o que é estrutura organizacional orgânica e as diferenças entre empresa mecanicista, confira a seguir a melhor opção para o seu negócio.

Como saber qual modelo é o ideal para minha empresa?

Não há uma resposta definida para essa questão, uma vez que cada empresa possui as suas particularidades e necessidades especiais. Ou seja, é difícil apontar qual é o pior ou o melhor modelo. Por isso, cabe ao gestor conhecer a sua organização para saber qual dos dois métodos irá implementar. 

Contudo, uma forma simples de responder a essa pergunta é analisar as estruturas da organização. Por isso, entenda como funcionam os processos, peça feedback dos colaboradores e outros líderes e veja quais os pontos de melhoria. Ouvir o que cada um tem a dizer será fundamental para escolher entre um método e outro.

Então, antes de tudo, é necessário realizar um estudo sobre a organização, analisar os processos e dialogar com outras pessoas.

Conclusão

imagem de duas mulheres e dois homens juntando as mãos no centro sorrindo

Como foi possível perceber, a empresa orgânica permite uma nova organização do trabalho, com menos procedimentos, regras e burocracias. Sem dúvidas, esse modelo encoraja a participação dos colaboradores e motiva-os a querer oferecer o melhor serviço.

Por esse motivo, ninguém melhor que o gestor de RH para avaliar se esse modelo de empresa orgânica é o melhor para o negócio. 

Se esse conteúdo te ajudou, compartilhe-o com outras pessoas interessadas. Além disso, confira outros textos para auxiliar na sua gestão de RH no blog do PontoTel.

banner_final
Compartilhe em suas redes!
Rolar para cima